Postagem direta.

Sonhei contigo essa noite. Foi apaixonante e desesperador ao mesmo tempo. Há muito tempo eu não sonhava com você. E principalmente assim. Confesso que estou aqui há horas tentando encontrar uma forma de colocar em palavras toda a intensidade que eu vivi naquele sonho. Perdi a hora hoje de manhã, porque eu fiz pirraça e me recusei a acordar e sair daquilo tudo. Talvez eu não consiga mesmo descrever toda essa vontade, esse desejo de fazer acontecer. Resta-me reduzir à termo um dos diálogos mais importantes:

 – Porque você não me pediu um beijo quando você quis pedir?

 – Eu achei que fosse negar.

 – Quando foi que eu te neguei um beijo?!

Detalhar o que houve em seguida é tão impossível quanto não contar nada. Talvez a minha ausência de habilidade de descrever tudo se deva ao desejo intrínseco de querer guardar esse momento só pra mim. Apenas queria que você soubesse que senti meu coração no seu, e sua respiração na minha. E além de tudo isso, e o mais importante disso tudo, seus olhos olharam profundamente nos meus, e eu senti amor.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s