Era amor, é amor.

É difícil escrever sobre ti, assim como é difícil falar de amor. Você ainda é tudo aquilo que eu sei sobre o amor. Minha maior referência afetiva, minhas melhores lembranças e quem ainda me faz ter frio na espinha toda vez que vejo. Também foi minha maior perda e a minha maior tentativa. Nossa história foi feita de extremos, bonitos eu diria. Apaixonados e sofridos, sorrisos e lágrimas, profundo e raso, amor e ódio. E por ai vai a minha maior história de amor. Você me fez ser melhor e lidou com o meu pior, entrou para o meu seleto círculo de amigos e fez parte da minha vida por algum tempo. Dividíamos tudo. Me fez ver que era possível quando eu queria desistir, que era fácil quando eu via um bicho de 7 cabeças, me deu liberdade para quando eu quisesse voar, e disse que me esperaria voltar. Fomos do céu ao inferno, numa parceria não tão bem sucedida, mas nos amamos. Talvez a nossa história seja a minha preferida de amor e provavelmente vai ser aquela que eu vou contar a alguém um dia com saudade. Podia até virar livro ou contos de realidade. Podia ser tudo, mas acabou virando nada. O amor não acabou. O quê acabou foi todo o resto. Um desfecho cheio de sofrimento e erros, maiores da minha parte, confesso. Colocamos os sentimentos mais nobres, além do amor, numa bacia e deixamos no quintal. Lavamos de maneira muito mal lavada a roupa suja e penduramos no varal. Resultado nada satisfatório. Não fomos felizes para sempre. Fim. Contos de realidade. Não foi um amor que não deu certo, muito pelo contrário, foi o tempo mais feliz que já vivi. Minhas melhores lembranças são suas. Muito seu ficou aqui, e você levou meu coração embora. Uma troca justa do amor. Um fim injusto para um livro. Eu sei. Você foi de longe o meu melhor amor. Minha admiração, meu apoio, meu cais, meu porto e meu peito repleto. E por ter sido o meu melhor, desejo a ti toda a felicidade do mundo. Existem pessoas que nos ensinam tudo e existem aquelas que são amor. Você com certeza é mais que amor, foi meu maior amor.

(Republicando)

Um comentário sobre “Era amor, é amor.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s